«

»

set 12 2018

Atualização: com a oitava condenação, pena de prisão de Cabral passa de 182 anos

O ex-governador do estado do Rio, Sérgio Cabral, foi condenado hoje (12) a mais 12 anos e 10 meses de prisão por crimes de fraudes a licitações na reforma do Maracanã e no PAC das favelas. A sentença, da 7ª Vara Federal Criminal, está relacionada a crimes apurados na Operação Cross Over, um desdobramento da Lava Jato.

A sentença também abrange a condenação pelo crime de cartel. A decisão também condena Wilson Carlos a 11 anos e seis meses de prisão e multa; Paulo Meríade Duarte a dois anos a medidas restritivas e multa; Benedicto Barbosa Júnior a seis anos de reclusão em regime semi-aberto e multa e Marcos Vidigal do Amaral a medidas restritivas e multa.

Ontem(11), o ex-governador já tinha recebido uma nova condenação: mais 47 anos e quatro meses de prisão por crimes de corrupção, formação de quadrilha e pertinência à organização criminosa em obras realizadas com recursos federais, inclusive provenientes do Programa de Aceleração do Crescimento, no Estado do Rio de Janeiro, como o Arco Metropolitano, PAC Favelas e Linha 4 do Metrô.

Somadas, as sentenças do ex-governador passam de 182 anos de prisão. Cabral foi preso em novembro de 2016 e atualmente cumpre pena na cadeia em Bangu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*