«

»

jun 21 2016

EDUARDO CUNHA VAI CAIR. QUEM SERÁ O NOVO PRESIDENTE DA CÂMARA FEDERAL?

Desde o ano passado, o principal impasse político brasileiro tem sido a presença do deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) como presidente da Câmara Federal.

Agora esta questão está prestes a se definir. Nos próximos dias, por renúncia, prisão ou cassação, ele deve deixar finalmente este cargo, obrigando os 513 deputados federais a escolherem um nome provisório, que comande a Casa até fevereiro de 2017.

O deputado brasiliense Rogério Rosso, que destacou-se presidindo a Comissão do Impeachment, é ótima opção para substituir Eduardo Cunha, mas diz abertamente que rejeita essa possibilidade de ser presidente-tampão.

Rosso foi governador-tampão no Distrito Federal em 2010, quando o governador José Roberto Arruda acabou destituído, depois de preso.

Na verdade, Rogério Rosso sonha em ser presidente da Câmara Federal no biênio 2017/2018, cargo que será valorizado quando se aproximar o período eleitoral.

No mandato-tampão, de sete meses, pode dar qualquer coisa, qualquer nome. O PMDB, que conta com a maior bancada (66 deputados entre os 513), já briga pelo cargo.

Mas diversos outros partidos que apóiam o presidente Michel Temer pensam em se unir, apresentando um candidato não-peemedebista.

Este é o quadro. Por trás, além da importância de poder presidir a Câmara Federal, o futuro presidente terá a missão de atuar como vice-presidente da República.

Assim, este a ser eleito depois da queda de Eduardo Cunha poderá assumir o Palácio do Planalto em caso de viagem internacional de Michel Temer.

Ou, mais grave, poderá virar presidente da República durante alguns meses caso Temer seja afastado do cargo por alguma decisão judicial.

É isso que pesa neste momento. A disputa pela presidência da Câmara Federal deverá gerar muito debate, passando certamente pelo Palácio do Planalto, que não quer correr o risco de enfrentar um novo Eduardo Cunha. (RENATO RIELLA)

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*