«

»

jun 29 2018

Empresário, morador em Águas Claras, é preso por envolvimento em roubo de carro popular

A Polícia Civil prendeu de forma preventiva, ontem (28), três homens suspeitos de envolvimento no roubo de um Ford Ka na Asa Sul, em setembro de 2017. Um deles é um empresário de 41 anos, dono de um apartamento quitado de 300 metros quadrados em frente ao Parque Ecológico de Águas Claras, com valor estimado em R$ 2 milhões.

A investigação da Coordenação de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Corpatri) conseguiu apontar a ligação dele com o homem que executava os roubos. Segundo o delegado Raphael Seixas, era o empresário quem deixava o comparsa no local do crime.

Ele também dava abrigo ao parceiro no apartamento de Águas Claras quando ele estava foragido.

Em depoimento à Polícia Civil, o empresário negou a participação no crime. Ele afirmou que era dono de uma transportadora nos Estados Unidos. Ao voltar ao Brasil, trocou a companhia pelo apartamento, uma Hilux branca, uma SW-4 preta e dinheiro. Hoje, ele é dono de uma construtora, uma financeira, uma tabacaria e um restaurante.

A Hilux do empresário, porém, foi identificada no roubo da Asa Sul e em outro crime cometido no mesmo dia, no Cruzeiro. “Foi assim que estabelecemos o vínculo entre ele e o executor dos roubos”, disse o delegado.

Segundo o delegado, um carro roubado estava na garagem do apartamento no momento em que a polícia cumpriu mandado de busca e apreensão. No apartamento, foi encontrado um aparelho para bloquear sinal de GPS, utilizado para evitar que o veículo levado fosse rastreado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*