«

»

ago 31 2021

Estado de São Paulo confirma a primeira morte pela variante Delta

O estado de São Paulo confirmou, hoje (31), a primeira morte causada pela variante Delta do SARS-CoV-2. A vítima foi uma mulher de 74 anos, com comorbidade, na cidade de Piracibaba, interior do estado. A idosa havia recebido as duas doses da vacina CoronaVac.

De acordo com a Secretaria Municipal de Piracicaba, outros cinco casos de infectados com a cepa surgida na Índia foram confirmados na cidade na segunda-feira (23). Os doentes são dois homens e três mulheres, das idades de 10, 16, 41, 51 e 52 anos. Todos estão sendo monitorados pela Vigilância Epidemiológica Municipal.

Devido à evolução da Delta e da queda da proteção das vacinas a partir do sexto mês da imunização, o Ministério da Saúde já anunciou a aplicação da terceira dose para idosos acima dos 70 anos e imunodeprimidos, com a Pfizer. 

O governador João Dória confirmou que, em São Paulo, a vacinação de pessoas acima dos 60 anos e dos imunossuprimidos começa no dia 6 de setembro. A ordem das aplicações seguirá dos mais velhos para os mais jovens. 

A primeira morte do Brasil causada pela nova cepa aconteceu no dia 18 de abril, mas foi confirmada pelo Ministério da Saúde somente no dia 25 de junho. A vítima foi uma mulher de 42 anos, que estava grávida, no estado do Paraná, vinda de uma viagem para o Japão. Ela passou por uma cesária de emergência e não resistiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*