«

»

out 14 2015

GOVERNO DO DF REDUZ SUA ESTRUTURA PARA 17 SECRETARIAS

O governador Rodrigo Rollemberg anunciou a nova estrutura do Executivo no Distrito Federal, visando racionalizar custos, diante da crise que se abate sobre Brasília.

O número de secretarias caiu de 24 para 17. Ao assumir, Rollemberg já havia reduzido a quantidade de secretarias de 38 para 24.

Haverá cortes de cargos e de salários dos cargos em comissão, outra medida para reduzir despesas.

Os novos secretários devem tomar posse na terça-feira (20). O período servirá para organizar a formatação das novas pastas.

Nos próximos dias, será definido o nome do titular da Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, que uniu três secretarias: do Trabalho e do Empreendedorismo; de Políticas para as Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos; e de Desenvolvimento Humano e Social.

A redução de 20% nas despesas com cargos em comissão ocorrerá gradualmente.

À imprensa, o chefe do Executivo explicou a intenção de unir algumas administrações regionais.

“Já encaminhamos à Câmara Legislativa um projeto de lei sugerindo a redução, mas houve resistência, e ele acabou retirado. Atualmente, só ocupamos 23 administrações, pois alguns administradores acumulam funções, o que tem contribuído para a redução de gastos. De qualquer forma, a intenção é aprovar a fusão amparada por lei, para que aquilo que estamos fazendo temporariamente possa se tornar definitivo.”

Foi preocupante ver que a Secretaria de Ciência e Tecnologia foi simplesmente extinta e a operação do Fundo de Apoio à Pesquisa passará a ser feita pelo Gabinete do Governador.

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*