«

»

fev 26 2021

Governo do Paraná determina toque de recolher até 8 de março

Paraná vai fechar serviços não essenciais a partir da meia-noite de hoje (26), anunciou o governo do estado. O toque de recolher também foi ampliado, e passa a valer entre as 20h e 5h.

As medidas, que valem até as 5h de 8 de março, foram tomadas por causa do aumento expressivo do número de casos da Covid-19 e pela taxa alta de ocupação de leitos nos hospitais de todo o estado.

As aulas presenciais em escolas e universidades públicas e privadas também ficasuspensas ao longo do período.

Segundo o governador Ratinho Junior (PSD), objetivo das medidas é fazer um “freio de arrumação” até que mais doses de vacinas cheguem ao estado.

“Nós estamos no pior momento deste um ano de enfrentamento da pandemia”, justificou o governador.

O anúncio das restrições no Paraná segue na esteira do que vem ocorrendo em outras regiões do país, como na capital de São Paulo; em Araraquara, interior paulista; na Bahia, no Rio Grande do Sul e no Distrito Federal.

Segundo o secretário da Saúde Beto Preto, o toque de recolher foi ampliado porque a medida, adotada desde dezembro, tem sido eficiente.

“Decreto de restrição da mobilidade teve um êxito muito grande. Nos ajudou a chegar até aqui. Ele fez com que as equipes tivesse um pouco mais de folga para trabalhar”, disse.

De acordo com o governador Ratinho Junior, a fiscalização do cumprimento do decreto será rígida.

“Vamos impor multa para as pessoas que fizerem festas clandestinas e prisão. Isso será organizado e nós seremos extremamente rígidos com aqueles que não cumprirem o decreto, em especial se tratando de festa clandestina”, afirmou.

O Paraná bateu sucessivos recordes de internações por Covid-19 ao longo de fevereiro. Ontem (25), mais de três mil pessoas estavam internadas com a doença ou suspeita no estado. O índice foi um dos motivos, segundo o governo, para que novas medidas fossem adotadas.

De acordo com o governo, a taxa de óbitos em pacientes internados está em cerca de 25%.

Com informações de G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*