«

»

ago 15 2014

JÁ TEM GENTE PERGUNTANDO QUEM MARINA PODE APOIAR NO SEGUNDO TURNO

RENATO RIELLA

O drama do PSB não termina tão cedo, mas em diferentes meios grupos já discutem quem Marina Silva poderá apoiar num segundo turno.
Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB) podem ganhar a eleição se, na segunda etapa, tiverem o apoio da provável candidata do PSB, que na verdade encarna um partido ainda não formado, chamado Rede.

Isso é uma piração! Sim, é uma piração.

Na verdade, Dilma e Aécio devem estar arrepiados diante da possibilidade de terem de negociar com Marina no segundo turno, diante das exigências que ela vai fazer para apoiar um ou outro.

A essas alturas, já há gente inteligente se perguntando: será que vale contar com o apoio polêmico da Marina para se eleger?

Dito tudo isso, vale a ressalva: mas não ignorem a possibilidade da própria Marina garantir uma vaga no segundo turno.

Aí, sim, ela terá de flexibilizar com quem ficar de fora, para tentar ganhar a vaga de presidente.

Enquanto isso, o sepultamento de Eduardo Campos talvez se dê no domingo, mas esta é uma questão que envolve outros departamentos.

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

1 comentário

  1. Wílon Wander Lopes

    Olá, Riella, acho que os analistas estão se esquecendo da Luiza Erundina. É uma vice de respeito, tem nome e credibilidade nacionais. Já mostrou personalidade na questão ItamarxPT, na queda do Collor.
    Rodrigo Rollemberg, que você sugeriu, não tem nome nacional, lançou candidatura para dar palanque ao Eduardo e, surpreendentemente, está subindo, inclusive favorecido com a morte do Eduardo Campos. Não vai entrar nessa já que pode ir para o segundo turno aqui no DF.
    Os puristas que me desculpem, mas política é um jogo frio- e os analistas têm que ser mais frios ainda…
    Tem gente que se fortaleceu, tem gente que enfraqueceu, com a morte de Eduardo. E tem gente satisfeita, tem gente preocupada (dizem que Lula entre estes) com a morte dele.
    O que você acha? Erundina não é um bom nome – com dignidade e jogo de cintura – para reforçar, como vice, a inábil Marina, cercada de resistências, se a coligação escolher Marina para substituir Eduardo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*