«

»

jul 28 2020

Mais de mil policiais cumprem hoje 212 mandados judiciais em 11 Estados

Uma megaoperação das polícias de 11 Estados cumpre, hoje (28), 212 mandados judiciais de busca e apreensão e de prisão contra integrantes de uma facção criminosa.

Ao todo, mais de mil policiais estão nas ruas para cumprir as ordens da Justiça em um desdobramento da operação Flashback.

Dos 212 mandados judiciais expedidos, 98 são cumpridos em Alagoas – destes, 73 estão concentrados na capital Maceió. O restante dos mandados foi expedido e está sendo cumprido em cidades de Pernambuco, Ceará, Bahia, Paraíba, Sergipe, Piauí, Paraná, Mato Grosso do Sul, São Paulo e Minas Gerais.

A primeira fase da Operação Flashback ocorreu em novembro de 2019, quando foram cumpridos 110 mandados e 81 pessoas foram presas. Naquela ocasião, as detenções ocorreram em sete Estados: Alagoas, Tocantins, Pernambuco, Sergipe, São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Paraná.

A operação tem como objetivo o isolamento de líderes da nova estrutura do PCC, que tem como caraterística a truculência no ‘tribunal do crime’, com mortes bárbaras pelo Brasil, inclusive em Alagoas, com registros em Maceió e região metropolitana. De acordo com as investigações, o ‘tribunal do crime’ é formado pelos que detêm maior poder ou funções privativas dentro da facção.

Segundo as investigações policiais, ficou comprovada uma maior participação de mulheres ligadas a facção criminosa, ocupando cargos de liderança.

De acordo com a Polícia Civil de Alagoas, as mulheres têm perfil igualmente violento ao dos homens da facção quando definem julgamentos ocorridos nos tribunais do crime.

Na operação Flashback I, apenas sete mulheres foram presas. Nesta segunda fase, 40 mulheres são alvos de mandados de prisão e busca e apreensão.

Com informações de agências

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*