«

»

mar 28 2019

Moçambique: ONU estima que sete mil partos possam ter complicações fatais

As Nações Unidas estimaram que, por conta do furacão Idai em Moçambique, sete mil dos 45 mil partos previstos nos próximos meses possam registrar complicações.

“Estimamos que mais de 75 mil mulheres grávidas foram afetadas pelo ciclone, com mais de 45 mil partos previstos nos próximos seis meses, sete mil dos quais poderão registrar complicações potencialmente fatais”, alertou Andrea Wojnar, representante em Moçambique do Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA, na sigla em inglês).

“Vi jovens meninas em trabalho de parto em enfermarias com buracos enormes no teto, enfermeiras das maternidades e as suas famílias vivendo em tendas no meio da lama próximo de clínicas que ficaram destruídas”, descreveu.

A representante do UNFPA em Moçambique sublinhou a urgência na resposta às grávidas, mas também à generalidade das mulheres e meninas que enfrentam riscos agravados de doenças sexualmente transmissíveis, violação e violência de gênero.

Por isso, o UNFPA estimou em mais de US$ 9 milhões  os fundos necessários para fornecer serviços de saúde reprodutiva, prevenção e tratamento de doenças sexualmente transmissíveis, contraceptivos e ‘kits’ para recolha de provas em caso de violação.

A passagem do ciclone Idai em Moçambique, no Zimbabué e no Maláui fez pelo menos 786 mortos e afetou 2,9 milhões de pessoas, segundo dados das agências das Nações Unidas.

Moçambique foi o país mais afetado, registrando até ao momento 468 mortos e 1.522 feridos, segundo as autoridades moçambicanas, que dão ainda conta de mais de 135 mil pessoas a viverem atualmente em centros de acolhimento, sobretudo na região da Beira.

Fonte:  Lusa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*