«

»

fev 28 2018

Mudança: Temer não nomeará militar para o Ministério da Defesa

Com a saída de Raul Jungmann do Ministério da Defesa, o general Joaquim Silva e Luna assumiu interinamente e tornou-se o primeiro militar a ocupar o cargo desde a criação da pasta, em 1998.

A situação repercutiu na imprensa e entre especialistas. O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso chegou a comentar a situação, dizendo que “governos, sobretudo quando não são fortes, apelam para os militares”.

Hoje (28), no entanto, segundo o colunista Lauro Jardim, de O Globo, Michel Temer teria garantido a um interlocutor, durante conversa no Palácio do Planalto, que nomeará para o cargo um civil.

Ainda segundo o colunista, o presidente da República afirmou que o nome para ocupar a pasta será decidido em até 15 dias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*