«

»

mar 24 2016

ODEBRECHT QUER SE ENTREGAR. MAS SERÁ QUE DÁ PARA ACREDITAR NESTE IMPÉRIO BAIANO?

A Odebrecht foi a principal sabotadora da operação Lava-Jato, durante meses e meses. Agora, vendo a casa cair, tenta se salvar, mas não merece consideração.

O juiz Sérgio Moro, no início das investigações, fez manobra inteligente, fingindo que não chegaria nesta monstruosa empresa baiana.

Chegou a pegar a empresa-irmã OAS, que acabou recorrendo à concordata para não quebrar. Ao mesmo tempo, foram atingidas mortalmente muitas outras grandes estruturas empresariais.

Os herdeiros do patriarca Emílio Odebrecht acharam que iam ficar de fora do escândalo. Até que, de repente, a Polícia Federal e o Ministério Público Federal desembarcaram no império odebrechtiano, com força total.

O resultado é que o presidente da super-estrutura, Marcelo Odebrecht, está preso desde junho do ano passado. Já foi condenado a 19 anos de prisão, mas sofrerá outras penas e pode ficar velho atrás das grades.

Os advogados da Odebrecht foram sempre os mais desaforados, desafiando de forma grosseira os investigadores. O próprio Marcelo, ao ser interrogado pelo juiz Moro, foi imprudentemente  agressivo, ao reafirmar dezenas de vezes que já tinha passado por escrito a resposta para qualquer pergunta.

Parecia que o staff Odebrecht estava protegido, imune a tudo, mas não era verdade. Investigações bem feitas e delações premiadas levantaram grande parte dos segredos da empresa. A casa veio abaixo!

Agora, os donos da Odebrecht (pai e tios de Marcelo) vêm a público com uma surpreendente Nota Oficial, na qual tentam se penitenciar dos erros e prometem colaborar de forma decisiva com as investigações.

É claro que o comando da operação Lava-Jato não acredita neste novo posicionamento do império baiano. Sabe que a Odebrecht está apenas tentando salvar parte da sua enorme estrutura, dando satisfação aos acionistas e aos seus milhares de empregados.

Nas próximas semanas, o cerco contra a Odebrecht se apertará, em função de surpreendentes documentos obtidos nas últimas semanas.

Por fim, vale a pergunta: será que a Odebrecht está pronta para entregar provas que incriminem os mais altos escalões petistas, ainda livres da prisão?

Lula e companhia devem estar apavorados. Se a delação premiada da Odebrecht acontecer, não ficará pedra sobre pedra. (RENATO RIELLA)

 

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*