«

»

ago 15 2014

OMS CONSIDERA BAIXO O RISCO DO EBOLA EM VOOS INTERNACIONAIS

A Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou nota, quinta-feira (14), em que considera que o risco de transmissão do vírus ébola em viagens aéreas é baixo.

Portanto, não aconselha restrições de voos partindo dos locais onde está havendo surto da doença e nem com destino a eles.

Desde março deste ano foram registrados 1.975 casos de ebola nos países africanos de Serra Leoa, da Guiné Conakry, Libéria e Nigéria, sendo que o surto se concentra nos três primeiros.

De acordo com as autoridades da Nigéria, estão registrados no país 11 casos confirmados de ébola. Deste total, três pessoas já morreram e oito estão sendo tratadas em uma unidade especial de isolamento em Lagos, a cidade mais populosa da África, com mais de 20 milhões de habitantes.

Do total de infectados nos quatro países da África Ocidental, 1.069 morreram em decorrência da febre hemorrágica causada pelo vírus.

A diretora de Capacidades Globais, Alerta e Resposta da OMS, Isabelle Nuttall, ressaltou que, ao contrário de doenças como gripe e tuberculose, o vírus em questão não está no ar. A contaminação só se dá por meio do contato direto com fluidos corporais de alguém contaminado, o que é muito difícil acontecer em um voo.

A diretora da OMS salientou ainda que pessoas com o vírus ébola raramente têm condições físicas de viajar.

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*