«

»

mar 05 2021

OMS pede que Brasil leve pandemia a sério; “quadro muito preocupante”

A Organização Mundial da Saúde (OMS) alertou para a situação da pandemia de coronavírus no Brasil, que tem registrado acentuado avanço nos números de casos e mortes pela doença nos últimos dias.

Em coletiva de imprensa em Genebra, na Suíça, o diretor-geral da entidade, Tedros Adhanom Ghebreyesus, caracterizou o quadro no País como “muito, muito preocupante”.

Tedros citou estatísticas que mostraram que o volume de óbitos por semana subiu de pouco mais de dois mil, em novembro, para cerca de oito mil agora. Segundo ele, no início deste ano, enquanto vários países registravam arrefecimento da epidemia, a maior economia latino-americana ia na direção contrária. “Brasil precisa levar isso muito a sério”, advertiu.

O líder da OMS exortou os brasileiros a seguirem as diretrizes públicas de distanciamento social. “Sem fazer coisas para impactar a transmissão ou suprimir o vírus, não acho que seremos capazes de ter a tendência de declínio no Brasil”, destacou, acrescentando que, se o País não for “sério” na resposta à crise, continuará afetando também os vizinhos na América do Sul.

Na mesma linha, o diretor de emergências da Organização, Michael Ryan, ressaltou que este não é o momento ideal para relaxar as políticas de redução da mobilidade. Ele afirmou que o avanço da Covid-19 acontece em escala nacional, “de Norte a Sul”, mas classificou especificamente a curva epidêmica em Manaus Amazonas como “difícil”.

De acordo com Ryan, “não há dúvidas” de que uma parte desses novos casos ocorre por reinfecção, dada a incidência de cepas mais transmissíveis. “Brasil é um país complexo e cada município está trabalhando duro”, disse.

Epidemiologista responsável pela resposta da OMS à pandemia, Maria Van Kerkhove também atribuiu o aumento de casos no País às novas mutações, sobretudo a identificada em Manaus.

Com informações de Estadão Conteúdo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*