«

»

out 16 2020

PIB CRESCE PELO QUARTO MÊS SEGUIDO

—RENATO RIELLA—

A atividade econômica brasileira registrou a quarta alta mensal consecutiva em agosto, segundo o IBC-Br (Índice de Atividade Econômica), do Banco Central.

A prévia do Produto Interno Bruto (PIB) ficou em 1,06% no mês de agosto, comparado a julho. Apesar do resultado positivo em agosto, o IBC-Br ainda acumula queda de 5,44% em 2020, provocada, em grande parte, pela pandemia.

Nos últimos 12 meses, a atividade econômica registrou queda de 3,09%.

O resultado também é de queda em comparação a agosto de 2019 (-3,92%).

 

BANCOS – Pandemia e a queda dos juros causaram forte impacto na lucratividade dos bancos na primeira metade de 2020. Dados divulgados pelo Banco Central mostram que, no primeiro semestre, os bancos registram lucro líquido ajustado de R$ 40,8 bilhões.

O valor representa queda de 31,9% em relação ao mesmo período de 2019.

As instituições financeiras elevaram o volume de provisões para fazer frente à inadimplência. As despesas dos bancos com provisões somaram R$ 65 bilhões no primeiro semestre, o que representa um aumento de 80% em relação ao primeiro semestre de 2019.

 

Segundo o BC, o lucro do sistema financeiro em 2020 deve cair para um patamar entre R$ 80 bilhões e R$ 85 bilhões, com redução de 30% a 35%.

 

 

VACINAS – A Organização Mundial da Saúde (OMS) disse que jovens saudáveis possivelmente terão que esperar até 2022 para serem vacinados contra a covid-19, já que a produção inicial deverá ser limitada, destinada para grupos prioritários e de alto risco.

Os primeiros a serem vacinados deverão ser os profissionais de saúde. Depois, os idosos e as pessoas de grupos de risco.

Dez potenciais vacinas contra a covid-19 estão na fase 3 de testes clínicos.

 

BRASIL – O Brasil registrou 713 mortes em 24 horas, elevando o total de óbitos para 152.460.

 

MUNDO – Os casos de coronavírus seguem crescendo. Na Europa, o número de novas infecções diárias chegou à marca de 100.000.

No Reino Unido, foram quase 20.000 casos na quarta-feira.

Alemanha e Bélgica registraram recordes no número diário de infecções ontem.

Nos Estados Unidos, os casos subiram para quase 60.000 em um dia, nível mais alto desde o início de agosto.

 

GASOLINA – Petrobras anunciou redução de 4% no preço médio da gasolina vendida nas refinarias em todo o país. O diesel não teve o preço modificado.

Segundo a Petrobras, “desde janeiro de 2020, o preço médio da empresa acumula queda de 24,3% no preço do diesel vendido às distribuidoras e uma redução acumulada de 9,1% no caso da gasolina.

 

COVID – Ministro Fábio Farias, das Comunicações, está com covid-19, trabalhando de casa.

 

AGENDA – Presidente Bolsonaro vai hoje a Guariba (SP), onde inaugura a Planta de Biogás da Raizen.

 

ECONOMIA – Dólar fechou esta quinta-feira (15) vendido a R$ 5,624, com valorização de R$ 0,027 (+0,36%).

Índice Ibovespa, da Bolsa de Valores, fechou com recuo de 0,28%, aos 99.054 pontos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*