«

»

jun 30 2021

Presos 17 PMs por apropriação de mercadorias apreendidas no Paraná

Segundo as investigações, após se apropriarem das mercadorias, os policiais liberavam a pessoa abordada e produziam boletins de ocorrência com informações genéricas e sem descrição de produtos apreendidos, facilitando o desvio da mercadoria.

“Nós estamos ainda apurando qual procedimento eles adotavam com essa mercadoria apreendida. Mas, é sabido que eles ficavam com a mercadoria. A informação básica, assim, que nós temos, é que eles encaminhavam parte dessa mercadoria para outros contrabandistas, para que eles revendesse a mercadoria”, disse o promotor do Gaeco, Tiago Lisboa.

A Justiça também determinou a suspensão do exercício de função pública dos investigados.

Durante a operação, o Gaeco apreendeu armas da PM, coletes balísticos, equipamentos eletrônicos e documentos.

“A Polícia Militar não tolera, não suporta, não admite, um policial que cometa crimes, que cometa irregularidades. Qualquer denúncia, qualquer situação que haja envolvimento de policiais em delitos, será apurado e eles vão responder na medida da sua culpabilidade. Se houver a comprovação, eles serão excluídos na Polícia Militar.”

Com informações de G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*