«

»

dez 07

Temer adia decisão de pautar Previdência para hoje

MAGNO MARTINS

Apesar dos esforços para votar a reforma da Previdência ainda este ano, o presidente Michel Temer (PMDB) decidiu esperar até a tarde de hoje para fazer a recontagem dos votos garantidos e avaliar se a matéria tem condições de ser pautada na Câmara na próxima semana. Isso porque o peemedebista não conseguiu reunir, até a noite de ontem, o apoio necessário para a aprovação das mudanças na aposentadoria.

Segundo ministros, Temer segue na linha de vender otimismo e “buscar consenso” nas legendas aliadas para marcar logo a data da votação. Na reunião, se falou que o governo poderia ter hoje de 260 a 270 votos, o que ainda não é suficiente para pautar a votação na Câmara, que precisa de 308 votos para ser aprovada.

Para tentar aumentar o atual placar, Temer promoverá nova rodada de reuniões e abrirá o gabinete presidencial para deputados indecisos e resistentes, porém a expectativa é pessimista mesmo dentro da equipe presidencial.

Até o momento, só o PMDB e o PTB fecharam questão sobre a votação, que é quando a bancada precisa votar unida, com possível punição para quem descumprir a ordem.

Participaram do encontro 18 ministros; 16 deputados, mais o presidente da Câmara, Rodrigo Maia; além de presidentes de 7 partidos; e o secretário nacional de Previdência, Marcelo Caetano.

Mesmo com o otimismo do Governo, um fator interessante surpreendeu alguns deputados durante a reunião. Os parlamentares foram chamados para um jantar, mas, durante a conversa, só foi servido água. Teve quem foi informado na porta do Alvorada que o encontro não era um jantar e sim uma reunião de trabalho. A fome fez alguns deles lamentaram o ocorrido.

“Não defendo ficar punindo deputado” – O deputado federal pernambucano Jarbas Vasconcelos (PMDB) disse, entrevista ao site ‘O antagonista’, que vai votar a favor da reforma da Previdência, mas é contra punir quem não acompanhar a orientação do partido. Jarbas votou pelo prosseguimento das duas denúncias contra Michel Temer e foi ameaçado de ser punido.
Blog do Magno

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*