«

»

dez 06 2018

Veja o que pensa Damares, a Ministra da Mulher e de outros temas

CARLOS MARCHI

Damares Alves, ministra da Mulher, Família, Direitos Humanos e Indígenas.

Sempre imaginei um(a) ministro(a) dos Direitos Humanos cheio de amor pra dar.

Damares chega cheia de ódio.

Disse que o pessoal LGBT, partidário da homonormatividade, quer  “destruir a heteronormatividade”.

Acrescentou: “Isso me preocupa muito. Gostaria que a nação tivesse outro decreto. Sou cristã, pastora e a minha regra de fé é a Bíblia”.

Como ministra, a regra de fé dela deveria ser a Constituição, porque o Brasil é um Estado laico.

Ela também defendeu que as mulheres ganhem o mesmo que os homens:

“Se depender de mim, vou para a porta de empresas onde o funcionário homem ganha mais do que mulher para protestar por equiparação salarial”.

Errou feio outra vez.

Ministro de Estado não tem que ir pra rua protestar. Tem de promover políticas que mudem a situação. Com classe, não no berro.

Acho que Damares vai demorar a entender o que é ser ministro de Estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*