jul 19 2019

Presidente recua: ” pequena parte” da população passa fome

O presidente Jair Bolsonaro voltou atrás e afirmou no início da tarde de hoje (19) que “uma pequena parte” da população brasileira passa fome. Mais cedo, durante um café da manhã com jornalistas estrangeiros, ele havia negado que existia fome no País.

“Olha, o brasileiro come mal. Alguns passam fome. Agora, é inaceitável um país tão rico como o nosso, com terras agricultáveis, água em abundância, até o semiárido nordestino tem uma precipitação pluviométrica maior do que Israel. E falei também na questão das Pequenas Centrais Hidrelétricas. Você leva dez anos para conseguir uma licença. E qualquer hectare de água produz de 10 a 15 toneladas de tilápia por ano. Então, um país aqui que a gente não sabe por que pequena parte passa fome e outros passam mal ainda”, disse. Leia mais »

jul 19 2019

Petrobras não abasteceu navios iranianos devido a sanções dos EUA

Resultado de imagem para navio iraniano preso no brasil

Petrobras confirmou hoje (19) em comunicado ao mercado que não abasteceu dois navios iranianos parados perto do porto de Paranaguá, no Paraná, porque as embarcações e a empresa à qual elas pertencem estão sob sanções dos Estados Unidos.

“Caso a Petrobras venha a abastecer esses navios, ficará sujeita ao risco de ser incluída na mesma lista [de empresas sob sanções norte-americanas], o que poderia ocasionar graves prejuízos à companhia”, diz o texto.

Na nota, a petroleira disse ainda que “existem outras fornecedoras de combustível no país” e que “mantém seu compromisso em atender a demanda de seus clientes, desde que observadas as normas aplicáveis e suas políticas de conformidade”.

Os EUA têm ampliado as sanções contra o Irã neste ano, com o objetivo de sufocar a economia do país, com foco principalmente no setor de petróleo. O Irã adota ações militares e faz ameaças nucleares contra os americanos – o país anunciou recentemente que vai aumentar seu estoque de urânio enriquecido, superando o limite estabelecido num acordo internacional em 2015. Leia mais »

jul 19 2019

Governo pode acabar com Agência Nacional de Cinema

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (19) que se o governo não puder impor algum filtro nas produções audiovisuais brasileiras, por meio da Agência Nacional do Cinema (Ancine), ele extinguirá a agência.

Vinculada ao Ministério da Cidadnia, a Ancine é uma agência reguladora que tem como atribuições o fomento, a regulação e a fiscalização do mercado do cinema e do audiovisual no Brasil.

Bolsonaro repetiu que pretende transferir a sede da agência para Brasília, e disse que ainda não decidiu se o órgão permanecerá sob a alçada da Cidadania, ou se será transferida para outro ministério.

” Vai ter filtro sim. Já que é um órgão federal, se não puder ter filtro, nós extinguiremos a Ancine. Privatizaremos, passarei ou extinguiremos.”

Questionado sobre qual filtro desejaria impor à Ancine, Bolsonaro respondeu: “Culturais, pô”.

Leia mais »

jul 19 2019

Bolsonaro: “Falar que se passa fome no Brasil é uma grande mentira”

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (19) que é uma “grande mentira” que pessoas passem fome no Brasil. Segundo ele, não há nas ruas do país pessoas com “físico esquelético”.

A declaração ocorreu durante café da manhã com jornalistas de veículos estrangeiros. A fala foi transmitida por uma rede social do presidente.

Durante o café da manhã, Bolsonaro foi questionado por uma jornalista a respeito do aumento da pobreza e da fome no país, problema que teria sido apontado pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Segundo o presidente, falar que pessoas passam fome no Brasil “é um discurso populista”.

” Falar que se passa fome no Brasil é uma grande mentira, Passa-se mal, não come bem. Aí eu concordo, agora passar fome não, Você não vê gente pobre pelas ruas com físico esquelético como a gente vê em alguns países por aí pelo mundo”. Leia mais »

jul 19 2019

Governo quer anunciar corte de 25 mil cargos na cerimônia de 300 dias

A administração de Jair Bolsonaro (PSL) quer anunciar o corte de 25 mil cargos comissionados na cerimônia de 300 dias do governo, em mais uma medida para enxugar gastos, afirmou o ministro Onyx Lorenzoni (Casa Civil).

Em março, em medida que fazia parte dos 100 dias de governo, Bolsonaro publicou decreto que extinguiu 21 mil cargos, funções comissionadas e gratificações no serviço público federal. A economia estimada foi de R$ 195 milhões.

Na prática, a maior parte dos cargos extintos não gerou demissão de trabalhadores, porque muitas vagas eram uma espécie de adicional pago ao servidor público que passa a exercer determinada função.

“O que estamos trabalhando e que a gente espera que nos 300 dias a gente consiga anunciar é o corte mais 25 mil cargos”, afirmou Onyx. Segundo o ministro, haveria cerca de 60 mil em universidades federais e em institutos federais.

“A gente não pode esquecer que o Partido dos Trabalhadores aparelhou convenientemente principalmente os IFs, onde o que menos importa é a qualidade e o que mais importa são as ações políticas. Ou vocês acham que as ações políticas vêm de onde mesmo?”, criticou. Leia mais »

jul 19 2019

Delegado da Polícia Federal é nomeado presidente da Funai

O governo federal formalizou no Diário Oficial da União de hoje (19), a nomeação do delegado da Polícia Federal Marcelo Augusto Xavier da Silva para o cargo de presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), que voltou a ser vinculada ao Ministério da Justiça.

Xavier assume o posto no lugar do general Franklimberg Ribeiro de Freitas, que deixou o cargo em 11 de junho, após ser alvo de forte pressão de ruralistas.

Segundo o Estado apurou, o novo chefe do órgão agrada à bancada ruralista.

Xavier atuou de forma na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Funai, em 2016, tendo apoiado os parlamentares que apuravam supostas irregularidades na Fundação. A CPI foi combatida pelas organizações socioambientais.

jul 19 2019

PF suspende investigações baseadas em informações do Coaf, Receita e BC

A Polícia Federal (PF) decidiu suspender todas as investigações em andamento baseadas em informações fornecidas, sem prévia autorização judicial, pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf),Receita Federal e Banco Central.

A determinação foi tomada em função da decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli , que interrompeu todas as investigações no país em que houve compartilhamento de dados financeiros sem a anuência do Judiciário.

A decisão foi comunicada a todos os delegados da corporação, em uma mensagem enviada pelo corregedor-geral substituto da PF , Bráulio Cézar da Silva Galloni.  Leia mais »

jul 19 2019

Operação Vertex: combate a crimes de corrupção passiva, lavagem organização criminosa

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã de hoje (19) a Operação Vertex, uma nova fase da Operação Maus Caminhos, para investigar a prática de crimes de corrupção passiva, lavagem de capitais e pertinência a organização criminosa.

A operação foi executada pela PF nos Estados do Amazonas, Brasília e São Paulo.

Policiais federais dão cumprimento a  nove mandados de prisão temporária, 15 mandados de busca e apreensão, 18 mandados de bloqueios de contas de pessoas físicas e jurídicas (aproximadamente R$ 92,5 milhões), sete mandados de sequestro de bens móveis e imóveis.

As medidas foram expedidas pela Justiça Federal. Leia mais »

jul 18 2019

Governo adia anúncio do saque do FGTS para a próxima semana

O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, adiou a apresentação da medida provisória que trata do saque de Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do PIS/Pasep. Segundo ele, os “técnicos estão fazendo ajustes”, motivo pelo qual a proposta será anunciada na próxima semana.

O governo estuda ações para garantir que o setor de construção civil não seja afetado, mantendo o financiamento imobiliário. Onyx afirmou, ainda, que não está previsto contingenciamento (bloqueio) de gastos.

“Os técnicos estão fazendo ajustes e nós tomamos a decisão que na semana próxima vai ser feita a apresentação da medida provisória que trata da questão do fundo de garantia e do PIS/PASEP”, disse Onyx, que prevê a apresentação entre quarta-feira e quinta-feira. “Vai depender da agenda do presidente, mas será apresentado”, disse. Leia mais »

jul 18 2019

Previdência: governo estuda pautar capitalização novamente

Depois da aprovação da reforma da Previdência em primeiro turno, a equipe econômica do governo estuda devolver a proposta de capitalização ao texto. A informação é do secretário Rogério Marinho, responsável pelo tema no Ministério da Economia. Ele afirmou que a ideia está sendo pensada pelo chefe da pasta, Paulo Guedes.

A medida era considerada um ponto fundamental da Proposta de Emenda à Constituição pelo chefe da equipe econômica, mas acabou sendo retirada da reforma pela Câmara dos Deputados. Segundo Marinho, Guedes ainda estuda as possibilidades e uma delas seria por meio de uma outra PEC.

Segundo Marinho, há uma disposição dos senadores de se manter a Previdência como ela chegará da Câmara. Ele reforçou a ideia que vem sendo ventilada pelo parlamento de que qualquer alteração que possa ser feita seja por meio de uma “PEC paralela”, inclusive a inclusão de Estados e municípios, a qual o secretário defende que seja feita. “Nós mandamos o projeto com eles”, disse.

Leia mais »

jul 18 2019

Polícia carioca faz megaoperação contra milicianos

Uma megaoperação conjunta entre as polícias Civil e Militar e o Ministério Público estadual (MPRJ), desde as primeiras horas da manhã de hoje (18), procura 24 pessoas envolvidas com uma milícia chamada Caçadores de Ganso. Outras nove indiciadas na mesma ação já estão presas.

Entre os alvos está o PM reformado, vereador e secretário de Defesa Civil de Queimados Davi Brasil Caetano (Avante, antigo, PTdoB), 52 anos, que foi preso em casa. Com ele, foram encontradas duas espadas e uma pistola.

De acordo com as investigações, Davi Brasil é o líder da quadrilha, que está envolvida em homicídios, extorsões, roubos e outros crimes na Baixada Fluminense e região. O grupo paramilitar atua em condomínios do programa Minha Casa, Minha Vida e também está ligado ao tráfico de drogas.

A Operação Hunter, como foi batizada, também cumpre mandados de busca e apreensão na Prefeitura e Câmara de Vereadores de Queimados. Os agentes ainda estão em endereços da capital, Belford Roxo, Nova Iguaçu, Japeri, Maricá e em quatro cadeias do estado para dar nova voz de prisão a nove presos.

Leia mais »

jul 18 2019

Incêndio criminoso mata pelo menos 23 pessoas no Japão

Incêndio em Kyoto, no Japão, deixa ao menos 24 mortos Foto: JIJI PRESS / AFP

Ao menos 23 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas em um incêndio aparentemente criminoso em um estúdio de animação na cidade de Kyoto, no Japão, hoje (18). Pouco antes das chamas começarem, um homem foi visto derrubando gasolina ao redor do edifício gritando: “morram”.

O primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, chamou o incêndio — o mais recente de uma série de violentos crimes em um dos países mais seguros do mundo — “terrível demais para palavras” e ofereceu suas condolências às vítimas.

Segundo o jornal The Guardian, um homem de 41 anos foi preso no local e admitiu ter iniciado o incêndio. O suspeito foi transportado para um hospital da região e ainda não foi interrogado pela polícia. Leia mais »

jul 18 2019

Governo anuncia medidas para aquecer a economia

O governo deve anunciar hoje (18) a liberação do FGTS e do PIS/Pasep. O presidente Jair Bolsonaro afirmou que isso representaria “uma pequena injeção na economia” e ressaltou que a atividade já começa a dar sinais de recuperação, “pelos sinais positivos (no geral) e em especial também pelos sinais que estão vindo do Parlamento”.

Bolsonaro disse ainda que o governo quer fazer uma reforma dos tributos federais e que deseja que a tabela de Imposto de Renda esteja, no máximo, em 25%. “E nós queremos ano a ano diminuir a nossa carga tributária”, apontou.

A expectativa do governo é que a medida injete até R$ 42 bilhões na economia.

O plano é uma tentativa de reanimar a economia, via consumo, ainda este ano. A projeção oficial do governo é de crescimento do PIB de 0,81%. Com a liberação dos recursos do FGTS, haverá também mais uma rodada de saques do PIS/Pasep. Leia mais »

jul 18 2019

PDT suspende deputados que votaram a favor da reforma da Previdência

O PDT inciou um processo que suspende temporariamente a participação dos deputados que votaram a favor da reforma da Previdência.

O processo pode terminar com expulsão dos deputados e deputadas federais da sigla que foram contra a orientação partidária na votação.

No total, oito deputados do PDT contrariaram a orientação partidária na votação que aprovou a reforma da Previdência em 1º turno.

Leia mais »

jul 17 2019

Bolsonaro quer modernizar o Mercosul

Ao discursar hoje (17) na sessão plenária da 54ª Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul, em Santa Fé, na Argentina, o presidente Jair Bolsonaro disse que vai trabalhar para acelerar a modernização do bloco sul-americano. Durante o encontro, o Brasil vai assumir a presidência pro tempore (rotativa) do grupo pelos próximos seis meses.

“Quero aproveitar a ocasião para firmar o compromisso do meu governo com a modernização e a abertura do nosso bloco, fazendo dele um instrumento de comércio com o mundo, sem o viés ideológico que tanto critiquei enquanto parlamentar. Vencemos essa barreira, e a conclusão do acordo de livre comércio com a União Europeia é resultado concreto dessa nova orientação”, disse.

Após o acordo com a União Europeia, Bolsonaro disse que o bloco planeja concluir as negociações com a Associação Europeia de Livre Comércio e avançar nas conversas com o Canadá, a Singapura e a Coreia. Leia mais »

jul 17 2019

PIB cresceu em maio com relação a abril, diz FGV

O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro avançou 0,5% em maio com relação a abril, segundo o Monitor do PIB, divulgado hoje (17) pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (Ibre/FGV).

A alta quebrou uma sequência de três quedas mensais seguidas.

Em relação a maio de 2018, o PIB cresceu 4,3%, mas o resultado foi contaminado pela fraca base de comparação, já que a atividade econômica de maio do ano passado foi atingida em cheio pela greve de caminhoneiros, que parou o País. Leia mais »

jul 17 2019

MEC lança o programa Future-se para as universidades públicas

Ministério da Educação lançou oficialmente, hoje (17), um programa para reestruturar o financiamento do ensino superior público. A proposta, chamada “Future-se”, amplia a participação de verbas privadas no orçamento universitário.

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, afirmou na apresentação à imprensa e nas redes sociais que alunos não terão de pagar mensalidade nas universidades públicas, independentemente da faixa de renda.

O lançamento ocorre em meio ao contingenciamento de verbas das universidades, anunciado no fim de abril pelo governo. De acordo com a associação que representa os reitores das universidades federais, a Andifes, a medida atinge de 15% a 54% dos recursos que podem ser cortados das universidades federais.

Leia mais »

jul 17 2019

Brasileiro recebe, nos EUA, prêmio por sua luta contra a discriminação religiosa

O líder espiritual e professor da UFRJ Ivanir dos Santos recebe, hoje (17), em Washington, um prêmio pela trajetória na luta contra a discriminação sofrida por praticantes de religiões de matriz africana no Brasil.

Santos é homenageado -junto a lideranças de outras quatro nações- na edição inaugural de um prêmio internacional que reconhece ativistas que lutam pela liberdade religiosa, promovido pelo Departamento de Estado americano.

A honraria reconhece seu “trabalho exaustivo no apoio ao dialogo inter-religioso” e os esforços em criar “mecanismos para a proteção de grupos vulneráveis”, segundo o site do International Religious Freedom Award.

Também serão agraciados o advogado sudanês de direitos humanos Mohamed Yosaif Abdalrahan, a líder espiritual nigeriana Imam Abubakar Abdullahi, a mediadora do diálogo entre religiões no Chipre Salpy Eskidjian Weiderud e o casal fundador da ONG iraquiana de defesa dos direitos humanos HHRO, William e Pascale Warda.

Leia mais »

jul 17 2019

Corregedor do MP avalia se os procuradores Dallagnol e Pozzobon cometeram falta funcional

O corregedor nacional do Ministério Público, Orlando Rochadel Moreira, decidiu fazer uma apuração preliminar para avaliar se os procuradores da Lava Jato Deltan Dallagnol e Roberson Pozzobon cometeram falta funcional ao, supostamente, se articularem para lucrar com a realização de palestras pagas.

Ao final da análise prévia, Rochadel Moreira vai decidir se abre processo disciplinar para investigar os dois procuradores ou arquiva o caso.

O despacho do corregedor do Conselho Nacional do Ministério Público atende a uma representação apresentada ao órgão pelo PT com base em reportagem publicada no domingo (14) pelo jornal “Folha de S.Paulo” em parceria com o site The Intercept.

A publicação afirma, baseada em mensagens de celular atribuídas aos dois procuradores da República, que Dallagnol – coordenador da força-tarefa da Lava Jato no Paraná – teria planejado montar uma empresa de palestras com Pozzobon.

As palestras teriam se dado em parceria com empresas privadas, com quem os integrantes da Lava Jato dividiriam os valores.

Leia mais »

jul 17 2019

MPRJ faz operação contra empresários do setor de alimentos

O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) faz hoje (17) uma operação contra suspeitos de integrar uma organização criminosa responsável por fraudar valores do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

De acordo com o MPRJ, os denunciados no esquema criaram 11 empresas no setor alimentício que, na verdade, faziam parte um único grupo empresarial, o Golden Foods.

Eles são acusados de sonegar cerca de R$ 305 milhões, por meio de fraudes para reduzir os valores devidos, como a realização de operações fictícias entre empresas irmãs para gerar créditos de ICMS. Leia mais »

jul 17 2019

Datafolha: um quarto dos brasileiros não acredita que homem foi à Lua

Resultado de imagem para homem na lua

Uma pesquisa divulgada pelo Instituto Datafolha revelou que 26% dos brasileiros acreditam que o homem nunca pousou na Lua.

 O levantamento entrevistou 2.086 pessoas maiores de 16 anos em 103 cidades espalhadas pelo País.

De acordo com o resultado, a estimativa é que cerca de 55 milhões de brasileiros acreditem na teoria conspiratória que diz que a missão Apollo 11 em direção à Lua foi uma farsa.

70% dos entrevistados declararam que o planeta era esférico e os outros 4% não souberam responder a pergunta.

Ainda segundo o levantamento, os menos escolarizados são os mais propensos a não acreditar na alunissagem. 38% das pessoas que tem até o ensino fundamental completo disseram que a Terra era plana, contra 21% entre os que completaram o ensino médio e 14% entre os que tem curso superior. Leia mais »

jul 16 2019

Von der Leyen é eleita primeira mulher presidente da Comissão Europeia

Resultado de imagem para ursula von der leyen

A alemã Ursula von der Leyen garantiu hoje (16) a aprovação do Parlamento Europeu para se tornar a primeira mulher presidente da Comissão Europeia, depois de conquistar o apoio de socialistas e liberais com sua visão de uma Europa mais verde, justa e baseada em regras.

O apoio desses dois grupos, além do endosso de seus próprios colegas conservadores, garante legitimidade a Von der Leyen, permitindo-lhe buscar soluções para questões delicadas como as mudanças climáticas, o comércio e a manutenção da democracia no bloco.

Como chefe do Executivo da UE, Von der Leyen será responsável pelas negociações comerciais e pelas políticas econômicas e climáticas para 500 milhões de europeus, além de decisões antitruste envolvendo poderosos gigantes da tecnologia. Leia mais »

jul 16 2019

Ministro Dias Toffoli suspende processos contra Flávio Bolsonaro

Após um pedido da defesa do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, suspendeu todos os processos judiciais que tramitam no País onde houve compartilhamento de dados da Receita Federal, do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) e do Banco Central com o Ministério Público sem uma prévia autorização judicial, ou que foram instaurados sem a supervisão da Justiça.

Toffoli tomou a decisão em um processo em que se discute a possibilidade ou não de os dados bancários e fiscais do contribuinte serem compartilhados sem a intermediação do Poder Judiciário.

Com a determinação do ministro, todos os casos que tratam sobre a controvérsia ficam suspensos até que o STF decida sobre a questão. O julgamento pelo plenário está marcado para novembro.

A decisão do presidente da Corte deve ter efeitos sobre o processo que tramita contra Flávio Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro, no Ministério Público do Rio de Janeiro, revelado pelo Estado em dezembro. Leia mais »

jul 16 2019

Brasil assume amanhã a presidência rotativa do Mercosul

O Brasil assume amanhã (17), com a presença do presidente Jair Bolsonaro, a presidência rotativa do Mercosul por um período de seis meses durante reunião dos chefes de Estado do bloco em Santa Fé, na Argentina.

A cerimônia da 54ª Reunião do Conselho do Mercosul será realizada após debates entre os representantes de governos e diplomatas, que devem discutir medidas para simplificar e desburocratizar as relações comerciais e institucionais entre as nações que compõem o próprio bloco e outros países.

Segundo integrantes da delegação brasileira, o Brasil vai trabalhar para reduzir as Tarifas Externas Comuns (TECs), que são aplicadas na comercialização de produtos entre os membros do bloco. Leia mais »

jul 16 2019

Lançado hoje o Projeto Detran nas Cidades

O Departamento de Trânsito do Distrito Federal lançou hoje (16), na Administração Regional do Guará, o Projeto Detran nas Cidades.

O Detran utilizará um ônibus equipado para atendimentos presenciais, oferecendo consulta de débitos, impressão de boletos e emissão do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV). O BRB Móvel e empresas de parcelamento também participarão do projeto, para possibilitar o pagamento de eventuais débitos, permitindo a regularização e emissão do CRLV no mesmo dia.

A ideia é oferecer o serviço de emissão do documento sem que o cidadão tenha que se deslocar até um posto de atendimento, já que se aproxima o início da cobrança do licenciamento, em setembro. O atendimento será das 9h às 17h, em dias úteis. Leia mais »

jul 16 2019

Coordenador do grupo de trabalho da operação Lava Jato na PGR deixa o cargo

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou hoje (16) que o procurador José Alfredo de Paula deixou o cargo de coordenador do grupo de trabalho da operação Lava Jato na PGR.

A saída foi formalizada na sexta-feira (12) e, segundo a assessoria da PGR, por motivos pessoais. O procurador está de férias e não voltará mais ao cargo.

Interlocutores confirmaram à TV Globo que ele estava insatisfeito com o ritmo de investigações na gestão de Raquel Dodge na procuradoria.

O caso da delação do empreiteiro Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS, seria um exemplo. Segundo investigadores, José Alfredo reclamava da demora da procuradora-geral em enviar a colaboração para homologação pelo ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF). Investigadores dizem que os depoimentos já estão concluídos desde fevereiro e que até agora Dodge não os enviou ao STF para validação.

Leia mais »

jul 16 2019

Bolsonaro volta a defender o filho para a embaixada em Washington

O presidente Jair Bolsonaro voltou a defender, hoje, (16), uma eventual indicação do seu filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), para comandar a embaixada brasileira em Washington, nos Estados Unidos.

Ao chegar à cerimônia de hasteamento da bandeira em frente ao Palácio da Alvorada, Bolsonaro elogiou o filho. “Fala inglês, fala espanhol, tem uma vivência internacional muito grande”. Em seguida, brincou ao citar uma declaração do próprio Eduardo na sexta, ao destacar sua experiência nos Estados Unidos: “E frita hambúrguer também, tá legal?”.

Questionado pelos repórteres presentes se já havia “batido o martelo” sobre a indicação, o presidente não respondeu. Leia mais »

jul 16 2019

Inflação sobe de 0,49% em junho para 0,61% em julho

O Índice Geral de Preços-10 (IGP-10), medido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), registrou inflação de 0,61% em julho.

O percentual é superior ao observado em junho (0,49%). Com isso, o índice acumula 4,41% no ano e 6,23% em 12 meses.

A alta da taxa na passagem de junho para julho foi puxada pelos preços no varejo e pelo custo da construção. A informação foi dada hoje pela FGV.

Leia mais »

jul 16 2019

Ligações de telemarketing poderão ser bloqueadas a partir de hoje

Resultado de imagem para sala de telemarketing

A partir de hoje, (16), o consumidor que não quiser mais receber ligações de ofertas de empresas como Claro/Net, TIM, Vivo, Nextel, Oi e Sky deve se cadastrar no portal naomeperturbe.com.br

A lista, porém, não bloqueia ligações das empresas de telecomunicação com fins de pesquisa ou de empresas de outros setores que queiram vender seus produtos.

O consumidor está protegido apenas das chamadas indesejadas com o propósito de vender serviços de telefonia, TV por assinatura ou internet.

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) determinou, em junho passado, o prazo de 30 dias para que as empresas de telecomunicações implementassem o mecanismo, pois são justamente essas companhias as responsáveis por um terço das ligações de telemarketing indesejadas. Leia mais »

jul 16 2019

Presos empresários suspeitos de exploração imobiliária no Rio de Janeiro

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) cumpre hoje (16) 17 mandados de prisão preventiva contra acusados de exploração imobiliária clandestina na comunidade da Muzema e nos arredores.

O grupo é suspeito de loteamento, construção, venda, locação e financiamento ilegal de imóveis.

Além disso, eles são acusados de ligações clandestinas de água e energia elétrica e a corrupção de agentes públicos. A operação de hoje também cumpre diversos mandados de busca e apreensão.

Ao todo, foram denunciadas 27 pessoas por suspeito de envolvimento no grupo criminoso, de acordo com o Ministério Público. Leia mais »

jul 15 2019

FRUSTRADO COM A REFORMA, MERCADO PREVÊ CRESCIMENTO DO PIB DE APENAS 0,81%

 

O adiamento da Reforma da Previdência para agosto parece que azedou o mercado financeiro, que prevê crescimento do PIB (Produto Externo Bruto) do Brasil em apenas 0,81% este ano.

Esta foi a 20ª semana em que o mercado reduziu a perspectiva de crescimento do PIB. Na semana passada, estava em 0,82%.

Espera-se que isso melhore quando a Reforma da Previdência passar, mas até a Bolsa de Valores, que andou dando saltos, deve cair nos próximos dias, frustrada com este adiamento feito pela Câmara Federal, que só votará o segundo turno da Reforma em agosto.

De acordo com o boletim Focus, pesquisa semanal do Banco Central (BC) com instituições financeiras, para 2020, a expectativa é que a economia tenha crescimento maior, de 2,10%.

 

Inflação

A estimativa de inflação, calculada pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), subiu de 3,80% para 3,82% este ano.

A meta de inflação de 2019, definida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), é 4,25%.

A projeção do mercado financeiro para a inflação em 2020 é 3,90%. A meta para o próximo ano é 4%.

Taxa básica de juros

Para alcançar a meta de inflação, o BC usa como principal instrumento a taxa básica de juros, a Selic, mantida em 6,5% ao ano pelo Comitê de Política Monetária (Copom).

Ao final de 2019, as instituições financeiras esperam que a Selic esteja em 5,50% ao ano, mesma projeção da semana passada. Para o fim de 2020, a expectativa é que a taxa básica baixe para 6% ao ano e, no fim de 2021 e 2022, chegue a 7% e 7,5% ao ano, respectivamente.

jul 15 2019

Receita paga hoje segundo lote do IR

A Receita Federal paga hoje (15) o segundo lote de restituição do Imposto de Renda 2019. No lote, também as restituições residuais de 2008 a 2018.

Hoje, 3.164.229 contribuintes recebem o pagamento, totalizando R$ 5 bilhões. Pouco menos da metade desse valor (2,36 bilhões de reais) vai para pessoas com mais de 60 anos (197.895 contribuintes entre 60 e 79 e 15.489 com 80 anos ou mais), pessoas com alguma deficiência física, mental ou moléstia grave (24.793 contribuintes), além de 1.251.906 contribuintes que têm no magistério a maior fonte de renda.

jul 15 2019

Prazo para lista de espera no ProUni começa hoje

Começa hoje (15) e vai até amanhã o prazo para participar da lista de espera do Programa Universidade para Todos (ProUni).

A adesão é feita na página do programa, pela internet.

Podem participar da lista de espera os candidatos que não foram selecionados na primeira opção de curso feita na hora da inscrição em nenhuma das duas chamadas regulares do programa.

Além disso,as inscrições estão abertas para quem foi selecionado para a segunda opção, mas cuja turma não foi formada. Esses estudantes concorrem a vagas para a primeira opção de curso.

Leia mais »

jul 15 2019

Arcebispo de Brasília é nomeado para Congregação do Clero

O papa Francisco nomeou o arcebispo de Brasília, Dom Sérgio da Rocha, para a Congregação para o Clero.

A Congregação faz parte da Santa Sé e foi criada em 1564, com o objetivo de analisar temas relacionados a padres e diáconos e supervisionar a educação religiosa de todos os católicos.

Além de Dom Sérgio da Rocha, outros dois brasileiros fazem parte da Congregação para o Clero: João Braz de Aviz, prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica, e Odilo Pedro Scherer, arcebispo de São Paulo.

jul 13 2019

MONEY, MONEY…SEM ISSO A CÂMARA NÃO APROVA A REFORMA EM SEGUNDO TURNO

Todo mundo sabe que é urgente, de extrema necessidade, a aprovação da Reforma da Previdência, mas os deputados federais decidiram adiar este feito para agosto em busca de…mais dinheiro.

Dinheiro para eles mesmos, em infindáveis emendas parlamentares, que garantem negócios perigosos e talvez votos na eleição municipal do próximo ano.

O repórter Rodolfo Costa, no Blog do Vicente (Vicente Nunes, do Correio Braziliense), dá detalhes sobre esta chantagem.

A votação do segundo turno da reforma da Previdência ficará, de fato, para depois do recesso parlamentar, em agosto.

O mais grave é que este próprio recesso não existe, pois o Congresso só poderia entrar de férias se tivesse aprovado a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), como exige a Constituição.

Os deputados (e senadores) inventaram uma monstruosidade chamada de recesso branco. É algo parecido com o que foi feito pelo deputado distrital Robério, na Câmara Legislativa do DF: estão lá, sem estar.

Nesse período apelidado de “recesso”, as lideranças da Câmara Federal cobrarão ao Palácio do Planalto um Projeto de Lei do Congresso Nacional (PLN), que estabelecerá um crédito suplementar extra para quitar compromissos de emendas parlamentares.

O martelo foi batido em definição conjunta entre o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e líderes partidários no início da tarde de sexta-feira (12/7).

As emendas parlamentares são, obrigatoriamente, destinadas a obras e serviços nas áreas de saúde e educação, nos estados e municípios. Mas aí está o perigo. Há décadas, infinidade de escândalos já surgiram na definição das empresas que vão acessar esses bilhões.

Partidos que votaram a favor da Reforma no primeiro turno decidiram pelo adiamento da votação em segundo turno, principalmente do chamado Centrão, que só se move com dinheiro na frente.

A votação pela Previdência teria gerado desgastes políticos para muitos parlamentares. Com a proximidade das eleições municipais, em 2020, eles exigem que o governo cumpra com o pagamento das emendas para se anteciparem às articulações junto aos prefeitos e vereadores em suas bases eleitorais.

Money, Money, Money…

Depois do recesso ilegal, vamos saber quanto vai custar aos brasileiros aprovar a Reforma da Previdência no segundo turno.

(RENATO RIELLA)

jul 13 2019

Por que a votação da Reforma ficou para agosto?

VICENTE NUNES (BLOG DO VICENTE)

A votação do segundo turno da Reforma da Previdência ficará, de fato, para depois do recesso parlamentar, em agosto.

A justificativa se deve ao atraso do Palácio do Planalto em enviar um Projeto de Lei do Congresso Nacional (PLN) estabelecendo um crédito suplementar extra para quitar compromissos de emendas parlamentares.

jul 13 2019

QUEM SERÁ O EMBAIXADOR NOS ESTADOS UNIDOS?

 

HUGO STUDART

Eduardo, o 03, não vai mais para Washington. Todos foram contra, sem exceção.

Os generais foram enfáticos. Todos os ministros e assessores relevantes do Palácio também, incluindo Guedes e Onix.

Os senadores, começar por Alcolumbre e os da Comissão de Relações Exteriores, avisaram que iram votar contra.

Os diplomatas ficaram revoltados.

Somente o chanceler Ernesto se disse a favor.

Até a maior parte dos bolsonaristas se manifestou majoritariamente contra.

Olavo, o autor da ideia inicial, deu pra trás e se disse contrário.

Só restou a Eduardo anunciar que não quer mais. Vamos para outro assunto.

jul 13 2019

ITAMARATI NÃO TEM MORAL PARA REJEITAR EDUARDO BOLSONARO

Esta história de indicar o deputado federal Eduardo Bolsonaro para Embaixador do Brasil nos Estados Unidos provavelmente não dará em nada. Porém, lembro que, recentemente, tivemos situação muito mais grave – e ninguém chiou.

Como se explica que os governos anteriores tenham nomeado o tucano Aloysio Nunes para Ministro das Relações Exteriores, com toda a pompa, mas sem nenhuma especialidade nessa área?

O nome de Eduardo Bolsonaro terá de ser aprovado pelo Senado e provavelmente será motivo de discussão no Supremo Tribunal Federal. Isso se o Presidente da República realmente decidir indicá-lo para Embaixador.

Já a nomeação de Aloysio Nunes não precisou passar por ninguém. Ele foi senador pelo PSDB, mas tinha como currículo a experiência de terrorista, da época de Dilma Rousseff. Além do mais, está envolvido até o pescoço na Operação Lava-Jato e pode terminar a vida preso.

Sempre foi uma figura apagada, sem carisma. E compactuou com uma política externa bandida, que privilegiou ditaduras como Venezuela, Cuba, Angola, Nicarágua, Moçambique, etc, dando prejuízos monstruosos ao Brasil.

Por que o Itamarati não se rebelou contra o Chanceler Aloysio Nunes e nem contra a política de prestigiar ditaduras falidas?

Na verdade, o Brasil vive sufocado pela pressão da opinião pública de origem esquerdista, que só aborda os temas por um ângulo deformado.

Mas hoje temos Bolsonaro, um ser desafiante. Se encherem muito o saco, ele indica a Ministra Damares, em vez do filho Eduardo. E ela topa. Damares não tem medo do ridículo.

O atual Governo vê o Senado boicotando dezenas de indicações feitas para embaixadas. Os nomes dos novos embaixadores simplesmente não são votados desde o início do ano.

Lembremos uma atitude criminosa do Congresso, que não bota em votação Medidas Provisórias importantes e estratégicas. Estas  simplesmente caducam.

Isso é uma grande sabotagem e ficou claro na MP do Saneamento, vital para o Brasil, que morreu sem ser apreciada pelo plenário da Câmara Federal. Imperdoável!

Aliás, a própria Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) foi esquecida.

Só para registrar, a Constituição diz que o Congresso Nacional não pode ter recesso de meio de ano se não aprovar a LDO – com as mudanças que quiser fazer, admitidas pela Constituição.

Sabem o que deputados e senadores vão fazer? Vão esquecer o compromisso e entrarão em recesso branco na próxima semana.

E o que é recesso branco? Ora, recesso branco é não trabalhar. Esses parlamentares passarão as próximas semanas em casa ou na praia, como se estivessem em atividade.

Até a Reforma da Previdência, tão urgente e tão comemorada, foi transferida para agosto. Logo, a Bolsa caiu de 106 mil pontos para 104 mil pontos.

E vocês querem discutir Eduardo Bolsonaro!!!…

Quanta falta de prioridade!

(RENATO RIELLA)

jul 12 2019

MPDFT faz novas buscas em escritório do deputado Robério Negreiros

O Ministério Público (MPDFT), com apoio da Polícia Civil do Distrito Federal, deflagrou hoje (12) a segunda fase da operação Absentia, que investiga suspeita de fraude em folhas de ponto do deputado distrital Robério Negreiros (PSD).

A operação realizou cumpriu mandados de busca e apreensão em um escritório do distrital no Conic, no Setor de Diversões Sul.

O espaço é alugado com dinheiro da verba indenizatória, repassada a deputados para custeio exclusivo de despesas com a atividade parlamentar.

Em nota, Robério Negreiros afirmou que “mantém uma postura colaborativa com as investigações e que está à disposição para quaisquer novos esclarecimentos em qualquer instância”.

Leia mais »

jul 12 2019

Eduardo Bolsonaro se diz pronto para embaixada em Washington

Cogitado pelo seu pai, o presidente Jair Bolsonaro, para assumir a embaixada do Brasil em Washington, nos Estados Unidos, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) disse a jornalistas, hoje (12), que estaria apto para o cargo. Questionado sobre suas qualificações, disse já ter “uma vivência pelo mundo”, ter feito intercâmbio em terras norte-americanas e ter “fritado hambúrguer no frio do Maine”.

“É difícil falar de si próprio. Mas não sou um filho de deputado [presidente] que está do nada vindo a ser alçado a essa condição. Existe um trabalho sendo feito, sou presidente da Comissão de Relações Exteriores [da Câmara], tenho uma vivência pelo mundo”, declarou Eduardo Bolsonaro , após reunião com o chanceler Ernesto Araújo, no Palácio do Itamaraty.

“Já fiz intercâmbio, já fritei hambúrguer lá nos EUA , no frio do Maine, estado que faz divisa com o Canadá. No frio do Colorado, numa montanha lá, aprimorei meu inglês. Vi como é o trato receptivo do norte-americano para com os brasileiros”, listou o filho do presidente. “Então acho que é um trabalho que pode ser desenvolvido”, afirmou com convicção. Leia mais »

jul 12 2019

Setor de serviços fica estável em maio

O volume de serviços ficou estável na passagem de abril para maio deste ano, depois de ter avançado 0,5% de março para abril.

Antes disso, o setor havia registrado três quedas consecutivas, que acumularam perda de 1,6%. O dado, da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), foi divulgado hoje (12) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

De acordo com o IBGE, o volume de serviços cresceu 4,8% na comparação com maio do ano passado, 1,4% no acumulado do ano e 1,1% no acumulado de 12 meses.

A receita nominal do setor cresceu 0,6% na comparação com abril, 9,2% na comparação com maio do ano passado, 5,1% no acumulado do ano e 4,3% no acumulado de 12 meses. Leia mais »

jul 12 2019

Governo reduz expectativa de crescimento do PIB de 1,6% para 0,81%

O governo reduziu a expectativa para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2019, de 1,6% para 0,81%. A revisão foi anunciada hoje (12) pelo Ministério da Economia.

Para 2020, a previsão de crescimento do PIB caiu de 2,5% para 2,2%. Já a previsão de inflação para 2019 foi revisada de 4,1% para 3,8%.

As previsões divulgadas ficaram próximas as do último relatório Focus divulgado pelo Banco Central (BC). O relatório, feito com base em informações de analistas do mercado financeiro, prevê um crescimento de 0,82% para o PIB de 2019 e uma inflação de 3,8%.

Segundo o documento divulgado pelo Ministério da Economia, indicadores mensais disponíveis para o segundo trimestre de 2019 indicam que a recuperação econômica continua lenta.

Leia mais »

jul 12 2019

Datafolha: rejeição ao projeto de posse de armas chega a 70%

Pesquisa do Instituto Datafolha, divulgada ontem (11), mostra que a proposta do presidente Jair Bolsonaro de flexibilizar regras para obtenção e porte de armamentos é rejeitada por 70% da população.

Em levantamento realizado entre os dias 4 e 5 de julho, o Datafolha constatou que a proposta de Bolsonaro é rejeitada por 70% da população em geral e possui níveis mais altos entre mulheres (78%), pretos (74%), pardos (72%) e indígenas (82%) e entre pessoas de renda familiar mensal de até dois salários mínimos (75%).

Entre os grupos religiosos, evangélicos neopentecostais (76%) – importante base de apoio do presidente – despontam como o grupo de maior rejeição, mas o diretor-geral do Datafolha, Mauro Paulino, alerta que a amostra por religião é reduzida e deve ser vista apenas como “tendência”. Leia mais »

jul 12 2019

Operação da PF desarticula esquema de exploração ilegal de madeira

Imagem relacionada

A Polícia Federal realiza hoje (12) a Operação Florestas de Papel, que tem o objetivo de desarticular esquema de exploração ilegal de madeiras na região amazônica nos períodos entre 2014 e 2017, envolvendo mais de 20 madeireiras.

Mais de 150 policiais federais cumprem 70 medidas judiciais, entre prisões preventivas, temporárias, mandados de busca e apreensão e de suspensão de atividade econômica nos estados de Roraima, Mato Grosso, Amazonas, Maranhão e Pará. Os mandados foram expedidos pela 4ª Vara da Seção Judiciária de Roraima, após representação da Autoridade Policial.

Os fatos foram apurados ao longo de seis Inquéritos Policiais, com apoio do MPF, e apontam diversos tipos de fraudes cometidas por empresários para dar aparência de legalidade ao comércio e movimentação de madeiras. Leia mais »

jul 12 2019

Bolsonaro quer seu filho como embaixador nos Estados Unidos

presidente Jair Bolsonaro decidiu convidar um de seus filhos, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), para assumir a Embaixada do Brasil nos Estados Unidos. A decisão, segundo o presidente, depende apenas do “sim” de Eduardo, que estuda a possibilidade de ter que renunciar ao mandato parlamentar para assumir a função de embaixador.

“Imagina o filho do Macri (Maurício Macri, presidente da Argentina) aqui no Brasil como embaixador da Argentina. Teria tratamento diferenciado. Está no meu radar, sim, e, no meu entender, poderia ser uma pessoa adequada e daria conta em Washington”, declarou Bolsonaro.

Segundo ele, “não é fácil a decisão para Eduardo eventualmente ter que deixar o mandato para assumir a Embaixada dos EUA”. O presidente afirmou que ainda não está claro se ele realmente seria obrigado a deixar a função que ocupa no Congresso, mas disse que, se confirmado, isso seria um “complicador”. Ele disse, ainda, que não pode influenciar a escolha do filho e que Eduardo terá que fazer a escolha sozinho.

Bolsonaro sinalizou que o convite ao filho teria sido feito hoje e brincou que algum “anão” que fica embaixo de sua mesa no Palácio do Planalto teria repassado a informação rapidamente. O presidente também contou que a ideia já foi cogitada no passado. “Levamos em conta o custo-benefício”, afirmou o presidente. Leia mais »

jul 12 2019

Lei proíbe sacolas plásticas no comércio do DF

Resultado de imagem para sacolas de plastico

O governador Ibaneis Rocha (MDB) sancionou, ontem (11), lei que proíbe a venda e a distribuição gratuita de sacolas plásticas por estabelecimentos comerciais do Distrito Federal.

A norma foi publicada no Diário Oficial do DF e deve ser regulamentada em até 12 meses, quando começará a valer.

Como alternativa, o dispositivo prevê o uso de sacolas biocompostáveis e até biodegradáveis, desde que não haja qualquer percentual de substâncias sintéticas na composição.

As sacolinhas permitidas pela lei devem ser feitas a partir de matérias orgânicas como fibras naturais celulósicas, amidos de milho e de mandioca, bagaço de cana, óleo de mamona, cana-de-açúcar, beterraba e proteína de soja.

Leia mais »

jul 11 2019

Barragem se rompe em Pedro Alexandre, na Bahia; não há registro de feridos

Uma barragem se rompeu no povoado de Quati, que fica em Pedro Alexandre, localizada a cerca de 435 km de Salvador, na manhã de hoje (11). Conforme a Defesa Civil da cidade, as fortes chuvas que caem na região do Rio do Peixe contribuíram para o rompimento da estrutura. Não há registro de feridos.

Conforme Valdomiro Pereira secretário de comunicação de Coronel João Sá, município que fica a cerca de 45 km de Pedro Alexandre, a água da barragem deve chegar à cidade ainda na tarde desta quinta. O percurso do rio entre as duas cidades, no entanto, é de cerca de 80 km. Há risco de invasão de casas e de prejuízos materiais.

Desde o início da manhã, a administração de Coronel João Sá, que em um nível abaixo da barragem e é cortado pelo Rio do Peixe, pede para cerca de 120 famílias que moram às margens do rio deixem o local. No total, 300 pessoas vivem na área considerada com risco de ser atingida pela água.

Até por volta das 15h, a prefeitura ainda não tinha conseguido fazer a retirada das pessoas das casas. Os moradores, segundo o secretário de comunicação, se recusam a deixar os imóveis.

Leia mais »

jul 11 2019

Bolsonaro quer a revisão de áreas de proteção ambiental

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (11), durante café da manhã com a bancada evangélica, que vem conversando com governadores sobre a revisão de áreas de proteção ambiental.

Ao discursar para os deputados e senadores, no Palácio do Planalto, Bolsonaro voltou a citar o desejo de transformar Angra dos Reis (RJ) em uma “Cancún”, em referência ao balneário mexicano.

Bolsonaro, então, lembrou que não pode revogar por meio de decreto a criação da Estação Ecológica de Tamoios, em Angra e informou que tem discutido o assunto com governadores. Na opinião do presidente, há um “aparelhamento” da legislação no país que precisa ser desfeito.

“Rio de Janeiro, a gente quer fazer ali, pretende com dinheiro de fora transformar a baía de Angra em uma Cancún. Mas, o decreto que demarcou estação ecológica só pode ser derrubado por uma lei”, disse o presidente.

“Conversei com o Caiado [Ronaldo, governador de Goiás] neste sentido, com o governador do Pará [Helder Barbalho] também, e estamos conversando com vários outros governadores no sentido de nós nos unirmos e desmarcar muita coisa por decreto no passado para poder fazer com que o estado possa prosseguir”, concluiu.

Leia mais »

jul 11 2019

MEC quer implantar no país 108 escolas cívico-militares até 2023

O Ministério da Educação (MEC) pretende implementar 108 escolas cívico-militares até 2023. Essa é uma das ações previstas no Compromisso Nacional pela Educação Básica, documento apresentado hoje (11), em Brasília. Ele reúne ações que estão sendo planejadas para serem implementadas até o fim do atual governo.

Além das escolas militares, o MEC quer acelerar a conclusão de mais de quatro mil creches até 2022; conectar 6,5 mil escolas rurais por meio de satélite em banda larga em todos os estados; e ofertar cursos de ensino a distância para melhorar a formação de professores, até 2020, entre outras ações.

O documento foi elaborado pelo MEC em conjunto com estados e municípios representados pelo Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) e a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime). As ações são voltadas para a educação básica, período que compreende desde o ensino infantil até o ensino médio.

Leia mais »

jul 11 2019

Maia diz que segundo turno da reforma da Previdência será votado amanhã

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou hoje (11), que pretende votar os destaques ao texto principal da reforma da Previdência ainda hoje e que o segundo turno da votação deverá acontecer amanhã.

“Sou otimista, vamos encerrar esse assunto nesta semana”. O deputado afirmou também não temer a falta de quórum para votar os destaques hoje. Nas emendas supressivas são necessários 308 votos para manter o texto conforme aprovado na véspera. “Teremos 500 deputados na Casa, podem ficar tranquilos”, disse.

O presidente da Câmara confirmou que esteve reunido pela manhã com líderes partidários para, de acordo com ele, “conhecer melhor o mérito de cada destaque”. “Terminamos de organizar para chegarmos ao resultado esperado pelo Plenário”, disse.

Leia mais »

Posts mais antigos «