«

»

set 28 2017

AME-SE……… UMA TAREFA DIFÍCIL

Nos últimos tempos, com o despertar da consciência, muitos de nós temos refletido bastante sobre a frase: “Amar ao próximo como a si mesmo”.

É um pensamento filosófico forte, que vem de diversas culturas e sustenta diversas formas de fé.

Mas você vai se assustar ao inverter a frase, que vira:

-“AMAR A SI MESMO COMO VOCÊ AMA O PRÓXIMO!”

Fazendo este exercício, você verá que, muitas vezes, a gente ama mais o próximo do que a nós mesmos. É duro reconhecer, mas nós podemos ficar numa última escala, sem perceber. Uma vida de sacrifícios!

Por exemplo: quem tem um grande amor, abre mão de coisas vitais, em nome dessa companhia prioritária. Neste caso, você não está amando o próximo como a si mesmo. Está esquecendo de você.

Outro exemplo: quem fuma, quase sempre não quer ver os filhos fumando. Isto é: não está amando a si mesmo como ama o próximo. Eles não podem fumar, mas você insiste neste mal, porque não se ama de forma suficiente.

Penso em mim mesmo. Durante muito tempo, trabalhei de 12 a 14 horas por dia, inclusive fins de semana, para que meus filhos não passassem por uma jornada tão dura.

Agora entendo: não me amei. Hoje meus filhos realmente têm uma jornada de trabalho normal, humana, com qualidade de vida. Neste caso, valeu meu sacrifício, mas fui desumano comigo mesmo.

Este raciocínio, apresentado a vocês por mim aqui no Face, aprendi  numa das aulas de Doutrina na Comunhão Espírita de Brasília. Foi um debate intenso e surpreendente, com ótimos colegas, que amam o próximo como a si mesmo e se sentem bem assim.

Mas reflita bem: sem amar muito e profundamente a si mesmo, como você poderá amar o próximo? Pense nisso.

Ou então você estará desejando ao próximo a sua insônia, a sua gastrite, o seu enfarte, a sua dor de barriga emocional, a sua depressão ou a sua morte precoce – desejando ao próximo o que você hoje sente e sofre.

Cuide-se! – para poder cuidar dos outros. (RENATO RIELLA)

 

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*