«

»

fev 16 2015

RESTAURANTE ROMA AINDA EXISTE. FANTÁSTICO!

Acabei de almoçar no Restaurante Roma, na 512 Sul, aqui em Brasília. Existe desde 1960 e ainda serve uma das melhores comidas italianas do mundo, a preço decente.

Para não mentir sozinho, levei minha enteada, Ana Lima, que comeu mais do que devia, atraída por um frango a parmegiana, seguido de bola dupla de ótimo sorvete de chocolate.

Escolhi bem, também: uma enorme porção de espaguete feito na manteiga, com o mesmo sorvete depois. Antes, um chope Nota Dez.

Ana olhou para o crachá do garçom e teve a liberdade de perguntar há quantos anos ele tirou aquela foto: “32 anos, meu tempo aqui no Roma”.

Lembre desta dica e vá ao Roma para almoçar ou jantar, reencontrando-se com a história de Brasília. É emocionante!

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

2 comentários

  1. Wílon Wander Lopes

    Taí, Riella. Você resgata, com sua nota sobre o Restaurante Roma, com vivência agregada rsrsr, um valor que nossa Brasília tem, como referência emocional, não só gastronômica, de muitos.
    Muitos, sim. Ali nasceram amores, ali amizades foram firmadas – e demolidas, entre pizzas e canelones…
    Ali se discutiu a Brasília dos primeiros tempos – e a cidadania que estava sendo construída junto com a nova capital. Especialmente nos anos duros da Ditadura. Presidente da FEUB – Federação dos Estudantes da Universidade de Brasília, fui também membro da diretoria de Honestino, presidente da FEUB antes de mim e, depois da UNE, quando foi preso – e sumido! Abusrdo: até hoje o Honestino está sumido…
    No Roma, debatemos muitas questões nacionais, sempre íamos para lá quando terminavam as passeatas vaiando a vizinha Casa Thomas Jefferson – e quase derrubamos todos os tiranos do mundo por lá… rsrsrs
    Uma vez, saindo do Roma, fui preso. Ainda bem que foi na saída, tinha comido bem. Deu pra aguentar uns dias em que quase passei fome lá na 2a. DP (Asa Norte) e, depois, no PIC (Setor Militar Urbano) rsrsrs
    Isso acontecia no Roma, tudo em torno de massas maravilhosas (ah, o filé à parmegiana), tudo com preço justo, dava pra caber no bolso dos estudantes de então. Preço justo – isso é importante…
    O Roma é um dos valores de Brasília. Tem história pra mais de um conto. Que tal resgatar – pedindo auxílio de seus tantos leitores – outros valores de Brasília? Parabéns!

  2. Cláudio Alcântara

    Riella, o Restaurante Roma sempre foi uma ótima escolha, quando tenho oportunidade vou lá saborear o delicioso filé a francesa, para mim o melhor de Brasília. Sinto saudades do Kazebre 13, que funcionava na 504 Sul, com suas pizzas maravilhosas. Sorte que nesta Capital temos restaurantes antigos que ainda servem boa comida, o exemplo disso é o Ki Filé, na 405 Norte, onde os filés servidos são ótimos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*